No dia 12 de maio de 2018, educadores do Colégio Social Madre Clélia puderam participar de um retiro na Casa de Retiros. O tema foi a Reparação, sendo conduzido pelo Padre Lourenço Kearns, CSsR. Este tema foi trabalhado em três abordagens distintas: uma palestra, um deserto e uma Celebração Eucarística.

Durante a palestra, o motivador fez uma explanação sobre a forma como a reparação se dava na vivência do povo cuja experiência de fé é narrada no Antigo Testamento. Ainda no primeiro momento, foi tratado sobre o rito da reparação na tradição cristã católica, tanto nos seus primeiros séculos, quanto na atualidade. Antes de fazer o deserto, os retirantes foram motivados a realizá-lo de modo a pensar em suas vidas pessoais a fim de verificar situações nas quais a reparação se fazia necessária, isto é, situações que levaram a um afastamento de Deus e que, por isso, careciam da graça divina. Por fim, no último momento, foi realizada uma Celebração Eucarística.

Esta celebração, porém, foi toda especial, pois contou com um realce arrebatador no rito penitencial. No início do rito, os retirantes realizaram um gesto simbólico, singelo e muito significativo com as mãos: enquanto o padre passava no meio da igreja com uma vela acesa, os participantes faziam um movimento com as mãos buscando a luz de Deus (representada na chama da vela) e trazendo-a para o peito. Em seguida, um outro ato significativo foi realizado: os participantes puderam tocar uma cruz que lhes foi exposta, fazendo com que eles se reportassem ao ato de amor daquele que reparou os pecados da humanidade.

Em seguida, o Padre Lourenço convidou cada retirante a pegar uma pequena pedra, representando as faltas cometidas, e a lançá-la em um recipiente com água a fim de que se verificasse que a pedra afunda e não volta à superfície (desaparece, portanto), de forma semelhante ao pecado perdoado por Deus.

Neste clima de oração confiante e devota, os participantes puderam tocar um ostensório com o Cristo Eucarístico a fim de que a força que sai do Cristo seja a força reparadora a tocar a vida de cada um. Na sequência, não menos fervoroso, os educadores recitaram o Salmo 50, fazendo deste sua prece penitencial. Assim, neste ambiente repleto de devoção e rico em simbologia, o Padre Lourenço deu a absolvição aos penitentes. Sem dúvida alguma, foi um momento de grande aprendizado, reflexão, crescimento humano e espiritual, devoção e, sobretudo, reparação.





Galerias

Retiro para os educadores do Colégio Social Madre Clélia - 2018

Ver galeria

393943939339392393913939039389393883938739386