No dia 03 de abril, os educadores da Educação Infantil e Ensino Fundamental I da Unidade Educacional Colégio Social Madre Clélia participaram de um momento formativo com duração de uma hora e trinta minutos. A formação foi preparada e conduzida pela equipe do Serviço de Pastoral Escolar da Unidade e, considerando que a Igreja no Brasil celebra o Ano do Laicato em 2018, abordou a temática do leigo. A base para a condução dos trabalhos foi o Documento 105 da CNBB – Cristãos Leigos e Leigas na Igreja e na Sociedade, cujo lema é “Sal da Terra e Luz do Mundo” (Mt 5,13-14).

Nesta perspectiva, os trabalhos foram iniciados com um momento de oração no qual se meditou o Evangelho de Mateus 13, 33-35 que diz que o Reino do Céus é como o fermento que se põe na massa a fim de levedá-la. Na sequência, o tema foi apresentado aos participantes e então, estes foram convidados a fazer uma massa de bolo de laranja. Quando esta ficou pronta e o bolo foi levado ao forno, os partícipes dialogaram acerca da sua organização para cumprir a tarefa dada e sobre a importância e função de cada ingrediente da receita na massa. Nesta conversa, procurou-se relacionar a mensagem do Evangelho lido com a atividade desenvolvida e fazer uma atualização para o tempo atual. Isso fez com que importantes pontos do documento fossem evidenciados, dentre eles: a necessidade do protagonismo dos leigos; a necessidade de ser fermento na massa, fazendo crescer no mundo os valores do Reino de Deus; a necessidade do diálogo com a diversidade; a necessidade de leigo comprometido, não secularizado, cumprindo a sua missão no mundo; etc.

Em seguida, os educadores foram divididos em grupos para a leitura e debate acerca de pequenos recortes do documento cujo assunto era os campos de atuação dos cristãos leigos, a saber: a família, o mundo da política e das políticas pública, o mundo do trabalho, cultura e educação, o mundo das comunicações e o cuidado com a casa comum. O resultado desta leitura e debate foi exposto para o grande grupo que pode perceber a necessidade de uma ação missionária concreta dos cristãos leigos a fim de se fermentar o Reino de Deus, rompendo com o que caracteriza o que o Papa Francisco chamou de “Globalização da Indiferença”.

Por fim, o bolo de laranja já estava assado e os participantes puderam experimentá-lo, constatando que, quando os diferentes ingredientes cumprem sua missão, o resultado é um só: a massa cresce e fica uma delícia!

No dia 09 do mesmo mês, foi a vez da Unidade Educacional Escola Santa Teresinha do Menino Jesus. Assim, a Pastoral Escolar da Unidade Educacional Colégio Social Madre Clélia conduziu as atividades de formação junto aos educadores desta outra Unidade Educacional do SAGRADO - Rede de Educação. O Resultado? Igualmente delicioso!




Galerias

Formação acerca do Documento 105 da CNBB - 2018

Ver galeria

35810358093580835807358063580535804358033580235801358003579935798