No dia 15 de agosto, as turmas do Ensino Médio do Colégio Social Madre Clélia, Unidade Educacional do SAGRADO – Rede de Educação, tiveram a oportunidade de participar da palestra ministrada pela coordenadora da Associação Beneficente “De Mãos Unidas”, Tatiana de Cosmo Martins.

Apresentada como esposa, mãe, missionária, Ministra Extraordinária da Sagrada Comunhão, pedagoga, teóloga, coordenadora e, destacadamente, leiga cristã, Tatiana exerce as mais variadas funções na sociedade e na Igreja. Ainda assim, encontra tempo para zelar da própria família e continua se aperfeiçoando nos estudos acadêmicos.

Desde o início do ano letivo, as turmas do Ensino Médio estão sendo introduzidas à Doutrina Social da Igreja para estarem cientes da necessidade do próximo e como a Igreja contribui para a mudança dessa realidade. Com estudos, conversas e elaboração de projetos, queremos sensibilizar cada educando para deixar o egoísmo de lado e promover o ser humano integralmente.

Tatiana veio para tornar a teoria ainda mais visível, palpável e possível de se atingir quando há dedicação e amor. Ela demonstrou que em uma cidade metropolitana muitas são as carências existentes. Mesmo em bairros tipicamente considerados de alto padrão, a miséria humana se apresenta aos olhos que estão atentos. Nesse viés, a Associação Beneficente “De Mãos Unidas” atende inúmeras crianças carentes do Bairro Portão, na cidade de Curitiba.

Encorajando nossos jovens, Tatiana demonstrou ser possível doar um pouco de si para aqueles que estão em situação de vulnerabilidade social. O próprio Cristo é quem impele a todos para abrirem o coração e valorizarem a pessoa humana de forma integral.   

Infelizmente, as crianças atendidas no projeto estão inseridas em um ciclo de pobreza material e desassistidas pelos órgãos públicos. Nesse contexto, surge a caridade cristã, promovida fundamentalmente por leigos, que querem promover a pessoa e tirá-la dessa situação que se encontra. A Associação sobrevive graças à doação de diversas pessoas físicas, não tendo participação de instituições públicas.

Foi visível a comoção de muitos jovens ao assistirem um vídeo que mostrava a realidade enfrentada pelos voluntários do projeto “De Mãos Unidas”. Queremos ser “sal da terra e luz do mundo” (Mt 5,13-14), enquanto leigos da Igreja, sabendo de toda responsabilidade dada quando fomos batizados, para contribuir para uma sociedade mais justa e fraterna.

Que, a exemplo da Bem-Aventurada Clélia Merloni, que dedicou sua vida aos mais necessitados, possamos abrir o coração e, “De Mãos Unidas”, fazermos uma sociedade cada dia melhor.




Galerias

Ensino Médio participa de palestra com coordenadora da Associação Beneficente “De Mãos Unidas”

Ver galeria

47293472924729147290